Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2010

Pedras d´ara sem sepulcro?

Certa vez fui numa Missa no rito de São Tiago num templo da Igreja Ortodoxa Siriana, um grupo pré-calcedoniano, e percebi que no altar eles usavam um bloco de madeira chamado "ara", que tinha sido consagrado pelo bispo. Isso lembrou a nossa pedra d´ara, usada nas celebrações no rito gregoriano, mas como em tal bloco não existiam relíquias dos santos fiquei sem entender como as duas "aras" se relacionavam. Para minha surpresa, muito tempo depois, folheando uma antiga Revista Eclesiástica Brasileira (1 de março de 1946) achei a seguinte informação sobre a existência de pedras d´ara sem sepulcro:

Pedra d´Ara. - Tendo encontrado um caso curioso, sobre o qual não me satisfizeram as respostas de alguns colegas, resolvi fazer a consulta à nossa revista Revista Eclesiástica, porque a resposta, sendo publicada como espero, servirá para quantos lêem a revista. Eis o caso: Saindo do hospital fui, a mandado médico, em refocilo, em uma fazenda onde havia uma capela de que meu av…

Uma guerra como nenhuma outra...

Fotos de soldados católicos americanos na Segunda Guerra. Num momento de definição na história, onde as piores forças revolucionárias dos últimos 200 anos mostravam tudo que eram capazes de fazer, homens de escol se prontificaram a lutar. É sempre bom ressaltar que eles não esqueciam de Deus.





Arte Cristã e Arte Sacra

Vou transcrever um artigo do Pe. Dinarte Passos, C. M., que foi professor de Arte Sacra no Seminário Maior de Marina (Minas Gerais). Este artigo foi publicado na Revista Eclesiática Brasileira de 2 de junho de 1946; manterei os destaques e maiúsculas do autor, mas atualizarei a ortografia.
A idéia, sabemos, é quase como a alma da obra artística. Esta idéia, ou seja o ideal, poderá tomar-se entretanto das coisas materiais ou de utilidade, não ultrapassando as formas da beleza física: é o materialismo na Arte - temos disto um exemplo na arquitetura grega onde predomina a idéia material de uma simples beleza sensível; ou poderá a idéia expressar então algo acima do mundo sensível, material; é o espiritualismo na Arte. Resulta ele do predomínio da verdade moral ou dogmática na idéia do artista. Modelo do espiritualismo nos oferece a sublime arquitetura ogival, cujo conjunto revela para logo a origem espiritual de suas formas, onde a massa é subjugada pela idéia.
(Arquitetura ogival)
Este do…

Angelus Ad Virginem

Angelus Ad Virginem é uma canção popular medieval (Inglaterra), que constitui uma versão poética da Anunciação (cheia de tensão dramática e profundidade teológica). Existem várias versões dessa música, sendo que a mais antiga está registrada num manuscrito do século XIII, contendo a letra em inglês, francês e latim: 
Ángelus ad Vírginem subíntrans in conclave,
vírginis formídinem demúlcens, inquit, “Ave”.
“Ave, regína vírginum, caeli terraeque Dóminum
concípies et páries intácta, salútem hóminum;
tu porta caeli facta, medéla críminum”.

“Quómodo concíperem quae virum non cognóvi?
Quáliter infríngerem quod firma mente vovi?”
“Spíritus Sancti grátia perfíciet haec ómnia;
ne tímeas, sed gáudeas secura quod castimónia
manébit in te pura Dei poténtia.”

Ad haec virgo nóbilis respóndens inquit ei:
“Sérvula sum húmilis omnipoténtis Dei.
Tibi caelésti nuntio, tanti secréti cónscio
conséntiens, et cúpiens vidére factum quod audio,
paráta sum parére Dei consílio.”

Ángelus dispáruit, et statim puelláris
úterus in…

A desilusão de quem apostou a vida no que não pode ser perene